Tarefas domésticas: por que e como as crianças podem ajudar em casa

5 min. leitura

mãe e filho lavando louça
Ouça o post
Voiced by Amazon Polly

É muito comum que adultos no geral, inclusive mães e pais, subestimem a capacidade das crianças. Muitas vezes achamos que os filhos não conseguiriam fazer algo sozinhos, por isso fazemos por eles. No entanto, os pequenos são capazes de muito mais do que pensamos, principalmente se forem estimulados desde cedo. Por isso, aqui vamos falar sobre tarefas domésticas que os filhos podem fazer e como podem ajudar em casa de acordo com a sua idade.

 

Por que é importante ajudar em casa desde cedo?

 

Existe um debate importante sobre se as crianças devem ajudar nas tarefas domésticas ou não. Enquanto algumas pessoas acreditam que responsabilidades são importantes e que podem ensinar muito, outras defendem que as crianças precisam ter tempo e liberdade para aproveitar a infância se divertindo.

É claro que brincar é muito importante para o desenvolvimento dos pequenos, assim como ir para a escola e descansar. Eles precisam ter tempo de fazer tudo isso sem serem sobrecarregados. Aos poucos, porém, de acordo com a idade de cada criança, incluir tarefas em sua rotina é essencial para ajudá-la desenvolver responsabilidade e várias outras habilidades.

Veja abaixo alguns benefícios que ajudar nas tarefas domésticas traz para as crianças:

 

1. Habilidades para a vida

Envolver as crianças em tarefas domésticas é uma forma de ajudá-las a desenvolver um conjunto de habilidades que serão úteis para o resto da sua vida. Afinal, independentemente de a criança ser menino ou menina, ou da sua futura profissão, todos nós precisamos saber como cuidar do lugar onde vivemos.

Noções de limpeza, de como cozinhar, de organização, até de compras e de planejamento financeiro. Ter experiência nessas questões vai ajudar a criança a aproveitar melhor o tempo e também seu dinheiro quando crescer. Como isso raramente é ensinado nas escolas, é em casa que ela precisa começar a colocar essas habilidades em prática.

 

2. Responsabilidade e valorização do trabalho

Dar para a criança uma tarefa específico ou uma área da casa para cuidar ajuda a  aprender como ser responsável com o que é dele e também o que é dos outros.

Coisas que se relacionam diretamente com a criança são um bom começo, assim ela mesma sentirá os benefícios de manter as coisas organizadas.

Da mesma forma, se não cumprir a tarefa, a criança verá as consequências – por exemplo, o quarto continuará bagunçado e não terá lugar para brincar. Essa noção de que é preciso se esforçar e que as coisas não acontecem em um passe de mágica é importante para o pequeno aprender a reconhecer o que a mãe, o pai e outras pessoas fazem por ele.

 

3. Trabalho em equipe

Fazer parte de uma família significa que a criança é integrante de uma equipe, e aprender a trabalhar em grupo é essencial para ela desenvolver boas relações e até ser bem sucedida profissionalmente.

Trabalhar em grupo envolve ouvir os outros, depender e ter responsabilidades um com o outro. Quando minha família divide tarefas domésticas, todos fazem sua parte pelo bem comum. Ajudar a família encoraja os pequenos a serem bons cidadãos no futuro.

 

4. Auto-confiança e independência

É claro que as as crianças devam poder contar com seus pais para ajudá-las e cuidar delas no dia a dia. Mas é possível, desde cedo, incentivar os pequenos a serem independentes, dando-lhes crescente autonomia para resolverem problemas sozinhos.  

As crianças se sentem confiantes quando fazem suas tarefas, e tendem a querer aprender cada vez mais. Ajudar em casa dá a sensação de realização, e eles vão buscar esse sentimento também no resto das coisas que fizerem.

 

5. Planejamento e organização

Aprender a pensar antecipadamente e prever consequências é importante para que as crianças cresçam sabendo, por exemplo, a dividir seu tempo entre brincadeiras e lição de casa. A capacidade de organização do tempo e de planejamento é são habilidades essenciais para a vida que podem ser desenvolvidas com a ajuda em tarefas domésticas.

Quando uma criança começa a ganhar responsabilidades, o próximo passo é permitir que ela aprenda a decidir quando e como realizar essas tarefas.

Leia mais: Como melhorar a rotina diária com os filhos?

 

Quais tarefas domésticas são adequadas para cada idade?

 

De acordo com a idade e a fase de desenvolvimento da criança, é possível dar a ela um tipo de tarefa doméstica, desde as mais simples até trabalhos mais complexos com o passar do tempo.

Fizemos essa lista sugestões de tarefas que crianças de cada faixa-etária podem começar a fazer em casa. Ela pode servir de ponto de partida para discutir em família o que está de acordo com a realidade dos filhos. E, claro, diferentes tarefas requerem certos níveis de supervisão de adultos.

 

2 a 3 anos

  • Jogar fraldas no lixo
  • Recolher brinquedos
  • Dobrar panos e toalhinhas
  • Guardar sapatos
  • Colocar a roupa suja no cesto

 

4 a 5 anos

  • Guardar e organizar brinquedos
  • Organizar livros na prateleira
  • Ajudar a dar banho no cachorro
  • Regar as plantas
  • Separar o lixo
  • Arrumar a cama

 

6 a 7 anos

  • Limpar o quarto
  • Dobrar a roupa
  • Varrer o chão
  • Colocar e limpar a mesa
  • Lavar louças simples
  • Lavar o quintal

 

8 a 9 anos

  • Tirar a poeira
  • Lavar a louça
  • Passar aspirador de pó
  • Recolher e pendurar roupas do varal
  • Preparar lanchinhos
  • Ajudar a cozinhar refeições
  • Colocar o lixo para fora
  • Limpar o jardim

 

10 a 12 anos

  • Lavar roupas simples
  • Limpar a cozinha
  • Ajudar a cuidar dos irmãos
  • Lavar o carro
  • Cozinhar coisas básicas

 

13 anos ou mais

  • Lavar o banheiro
  • Cozinhar refeições
  • Passar roupa
  • Fazer compras no mercado

 

Lidando com as tarefas com segurança e equilíbrio

 

Educadores defendem que os pais não devem delegar uma tarefa como forma de punição, mas sim como uma forma de a criança adquirir autonomia, mostrando que o filho tem capacidade para fazer aquilo.

Também é essencial zelar pela segurança da criança, que ainda não tem o mesmo discernimento de um adulto sobre o que é perigoso. Tarefas novas devem ser sempre acompanhadas e supervisionadas. Essa é uma oportunidade de a criança aprender que vidros cortam, que equipamentos elétricos podem dar choque, que produtos de limpeza podem ser tóxicos, e muito mais. O adulto responsável tem o papel de ensinar tudo isso e evitar qualquer acidente.

Com tudo isso em mente, demonstrar satisfação com a ajuda da criança fará toda a diferença, fazendo com que ela se sinta importante e realizada. Se algo de errado acontecer, não se deve culpá-la, afinal ela ainda está aprendendo.  O reconhecimento do esforço dos filhos fará com que se sintam mais confiantes e competentes, inclusive em sua vida adulta.

 

Certo. Mas como fazer a criança ajudar em casa?

 

Como é comum que os pais passem boa parte do dia longe de casa trabalhando, muitos têm dificuldade para acompanhar e delegar as tarefas para as crianças durante o dia. Uma boa ideia é combinar em família o que cada filho têm a responsabilidade de fazer e, depois de conversar com eles sobre isso, fazer um quadro onde as tarefas podem ser escritas e controladas.

Para te ajudar com isso, preparamos esse exemplo de quadro de tarefas domésticas:

 

quadro de tarefas domésticas para o filho ajudar em casa

 

Você pode fazer o download do quadro para editá-lo com o nome e as tarefas de cada criança. Assim, durante a semana a própria criança pode marcar o que já fez.

Para fazer baixar o quadro de tarefas e poder editá-lo, é só clicar para curtir a nossa página:

 

 

O link aparecerá logo aqui em cima. Clique nele para fazer o download grátis.

 

Outra ideia é criar pequenos cartões com as tarefas escritas, e combinar a quantidade de cartões que cada criança deve cumprir no dia ou na semana.

Você tem outro jeito de incentivar os pequenos a ajudarem em casa? Conte pra gente nos comentários!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *